Apil/RS terá programação especial na Expoleite/Fenasul 2018

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As principais feiras do setor leiteiro do Rio Grande do Sul, a 41ª Expoleite e 14ª Fenasul, lançadas na manhã desta segunda (7), devem reunir centenas de produtores de várias regiões do Estado no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.

O lançamento oficial ocorreu na Secretaria de Agricultura do Estado (Seapa). Na ocasião, a Associação das Pequenas Indústrias de Laticínios do RS (Apil/RS) esteve representada pelo seu diretor, Ademar Steffenon. Durante a cerimônia, o Secretário de Agricultura, Odacir Klein, destacou a participação da entidade na Expoleite/Fenasul 2018, que sempre conta com a presença de seus associados no evento.

A Expoleite/Fenasul, que acontece de 16 a 20 de maio, deve contar com a exposição de aproximadamente 150 vacas da raça holandesa.
Na programação do evento, destaque para o concurso leiteiro de vacas jovens e adultas, tradicional banho de leite nos campeões e a venda de animais com alta genética, além de palestras técnicas.

Confira a Programação da Apil/RS  na Expoleite 2018 –

I Encontro do Produtor de Leite APIL/RS na EXPOLEITE/FENASUL

No dia 17 de maio, dentro da programação da 41ª Expoleite e 14ª Fenasul, será realizado o I Encontro do Produtor de Leite Apil/RS.

A programação especial prevista para o dia 17 é a seguinte:
Manhã – em diversos horários: dinâmica na pista de julgamento para grupos de produtores com técnicos que explicarão sobre as características da raça holandesa.

Tarde – 13h30min. Palestra: Utilização do ozônio na pecuária leiteira.

Local: Auditório do Centro Administrativo do Parque de Exposições Assis Brasil.

Palestrantes:
Médica-veterinária: Diana M. Tolotti.
Produtora de leite: Irdes Simon.
Especialista em Ozônio: Ivanildo Lins

A Expoleite / Fenasul é organizada pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação e Gadolando (Associação dos Criadores de Gado Holandês do Rio Grande do Sul) e acontece de 16 a 20 de maio. A data foi escolhida para coincidir com a Exposição da Federação Internacional de Criadores de Cavalo Crioulo (FICCC), considerada a “Copa do Mundo” da raça.

 

Lançamento oficial