Apil/RS elege nova diretoria para o biênio 2020/2021

Delcio Giacomini - Crédito Nestor Tipa Júnior AgroEffective DivulgaçãoA Associação das Pequenas Indústrias de Laticínios do Rio Grande do Sul (Apil/RS) tem nova diretoria para o biênio 2020/2021. Por aclamação, Delcio Giacomini, do laticínio Friolack, de Chapada (RS), é o presidente para os próximos dois anos. Ele substitui Wlademir Dall’Bosco, do Laticínio Boavistense, de Nova Boa Vista (RS), que esteve à frente da entidade nos últimos seis anos. A eleição e posse ocorreram durante assembleia com os associados na sede da Apil/RS, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS).

Em seu discurso, Giacomini conclamou os associados a estarem presentes nas decisões da entidade e no trabalho em prol dos pequenos laticínios gaúchos. “Vamos ter um novo trabalho pelo período de dois anos e vamos contar com todos vocês, com todos os associados para que isso aconteça, porque o presidente não faz sozinho. Certamente o presidente tem que ter os seus parceiros de trabalho e que nos tragam ideias”, observou.

O novo presidente da Apil/RS também lembrou da gestão de conquistas do presidente Wlademir Dall’Bosco e como o dirigente que deixou o cargo contribuiu para impulsionar a entidade no cenário lácteo com seu trabalho e dedicação durante os seis anos que ocupou a presidência. Por fim, agradeceu aos associados pela distinção de estar à frente da entidade. “Isto nos honra e fico muito grato por vocês nos prestarem essa confiança que nos dá uma responsabilidade enorme”, destacou.

Em 1991, o agricultor Delcio Roque Giacomini resolveu trocar a atividade de produção de grãos pela comercialização de queijo artesanal. No novo negócio, comprava queijos nas cidades de Carazinho, Chapada, Nova Boa Vista e Santo Antônio do Planalto para revender em Porto Alegre. Delcio, logo após, adquiriu um caminhão câmara fria para fazer o transporte. Com o crescimento das vendas, resolveu investir na industrialização de queijos e, assim, em 2001, nasceu a Friolack, em Arroio Bonito, distrito de Não Me Toque, dando início a uma pequena produção com apenas dez colaboradores. Em outubro de 2005, devido à necessidade de ampliação da produção, já que o produto vinha ganhando adeptos, a Friolack mudou-se para o município de Chapada, onde atualmente a empresa conta com mais de 170 colaboradores.

Confira a nominata da nova diretoria

Presidente: Delcio Roque Giacomini
1º Vice Presidente: Humberto Doering Brustolin
2º Vice Presidente: Daniel Chichelero
1º Secretária: Magali Ferrari
2º Secretário: Ronis Carlos Frizzo
1º Tesoureiro: Rodrigo Aloisio Staudt
2º Tesoureiro: Ademar Steffenon